O verdadeiro luxo
05-11-2011

Acredito que nossa relação com o dinheiro ande um tanto confusa. Muitas vezes está calcado numa série de crenças equivocadas dando a ele um valor que ele não tem. O dinheiro pode nos dar a sensação de que somos mais importantes e melhores do que somos na verdade. De uns tempos para cá, um movimento bem mais interessante vem crescendo e fazendo com que as pessoas passem a valorizar muitas situações que não aconteciam antes. Atualmente o verdadeiro luxo ganhou um conceito mais flexível passando a reconhecer o verdadeiro valor dos momentos raros e especiais. Por exemplo, o que faz com que uma viagem seja inesquecível, são os momentos emocionantes vivenciados e isso, no meu ponto de vista, não depende do seu valor comercial.

Atualmente a responsabilidade social está incluída no repertório de atitudes de extremo valor. O novo luxo é saber reconhecer, vivenciar e praticar a simplicidade, pois valorizar a vida é o máximo da sofisticação. Esse novo olhar sobre o valor das coisas influencia inclusive os hábitos de consumo. O que é um luxo prá você? Uma amiga disse que um luxo, em sua opinião, é poder ver o pôr do sol em boa companhia. Apoio totalmente este movimento, pois o que é mais valioso pra mim não pode ser embalado e tampouco vendido.

 

Compartilhe:
 
Envie por e-mail:
Imprimir: